Instituição apoio os sanjoanenses mais frágeis do ponto de vista social Instituição apoio os sanjoanenses mais frágeis do ponto de vista social D. R.

S. João da Madeira, 13 de Outubro de 2015 

Por Redacção

“Horta” da Cruz Vermelha vence “Orçamento Participativo”

O projecto “Horta Comunitária” da delegação local da Cruz Vermelha Portuguesa (CVP) venceu a edição deste ano do “Orçamento Participativo” (OP) da Junta de Freguesia de S. João da Madeira.

No total, 616 sanjoanenses votaram em 14 propostas, tendo a vencedora – avaliada em 15 mil euros, precisamente o montante financeiro disponibilizado para o OP – recolhido 126 votos. Em 2014, tinham votado 477 fregueses.

O orçamento participativo está em crescimento”, referiu Helena Couto, a presidente da junta. Salientou que “é um projecto que serve para os fregueses participarem de forma activa na vida política da cidade”.

Célia Monteiro, a delegada especial da CVP em S. João da Madeira, assegurou que a entidade saberá estar à altura do “voto de confiança” que lhe foi dado pelos que votaram na “Horta Comunitária”.

Este projecto virá inserir-se no esforço da delegação da instituição humanitária para acudir aos agregados familiares mais carenciados da chamada “Cidade do Trabalho”.

Refira-se que o processo de concretização da segunda edição deste OP passou por alguns percalços. Nomeadamente, verificaram-se algumas irregularidades na primeira tentativa de fazer a votação no online, pelo que acabou por se realizar com votação presencial nas instalações da autarquia.