Graça Teixeira floresce na sua plenitude quando contempla o imenso mar, as serranias altaneiras do Alto Douro, os rios da paisagem duriense, e alegra-se nos verdes do Minho, vibra nos fandangos ribatejanos Graça Teixeira floresce na sua plenitude quando contempla o imenso mar, as serranias altaneiras do Alto Douro, os rios da paisagem duriense, e alegra-se nos verdes do Minho, vibra nos fandangos ribatejanos D. R.

Cultura, 23 de Setembro de 2015 

Por Redacção

Graça Teixeira apresenta Estação da Poesia

Graça Teixeira vai apresentar o seu livro Estação da Poesia no próximo dia 02 de Novembro, pelas 18h00, na sala de audiências do Tribunal de Sintra.

O evento terá a participação de vários magistrados e funcionários, porquanto a autora é também escrivã de direito naquele tribunal.

O livro é constituído por um conjunto de poemas que a escritora foi escrevendo sobretudo no último ano e que reflectem os seus mais profundos sentimentos.

As pessoas e a Natureza alimentam o universo poético de Graça Teixeira numa mescla de vivências marcadas por “momentos de um sentir intimista que ambiciona penetrar no coração dos leitores”, refere a autora.

O livro faz uma viagem pelas terras onde nasceu e viveu com saliência para Penajóia, uma pequena aldeia do concelho de Lamego, e o Porto, onde residiu durante vários anos, até partir para Portimão e Lisboa e, finalmente, se radicar em Sintra.

As terras, para lá das suas belezas naturais e da riqueza do seu património arquitectónico e histórico, são as pessoas e eu sinto-me muito feliz por ter convivido com gente maravilhosa que me fez ‘crescer’ e que moldou, para sempre, o meu carácter”, explica a escritora.

Graça Teixeira floresce na sua plenitude quando contempla o imenso mar, as serranias altaneiras do Alto Douro, os rios da paisagem duriense, e alegra-se nos verdes do Minho, vibra nos fandangos ribatejanos. E o seu coração revolta-se e sangra perante as injustiças e infortúnios do mundo.

A obra, agora a ser publicada, será lançada também em Lamego, a 07 de Novembro, pelas 18h00, no salão nobre da camara municipal, com a colaboração da autarquia num evento que contará com uma “performance” de bailado com João Teixeira e Matilde Fernandes, o que “acontece naturalmente porque amo a minha terra, o meu concelho e todo o distrito de Viseu que acho dos mais belos do país”, confidencia.

Antes da apresentação no Porto, a escritora apresentará o livro em S. João da Madeira, a 20 de Novembro, e Oliveira de Azeméis, no dia seguinte, estando ainda previstas sessões de autógrafos em Coimbra e Aveiro.