Uma das novidades de 2014 foi a criação do pacote turístico “Industria e Arte Lado a Lado”, através do qual se oferece aos visitantes do Turismo Industrial a possibilidade de conhecerem também o Núcleo de Arte da Oliva Uma das novidades de 2014 foi a criação do pacote turístico “Industria e Arte Lado a Lado”, através do qual se oferece aos visitantes do Turismo Industrial a possibilidade de conhecerem também o Núcleo de Arte da Oliva D. R.

S. João da Madeira, 21 de Janeiro de 2015 

Por Redacção

Visitas gratuitas no terceiro aniversário do Turismo Industrial de S. João da Madeira

Na quinta e na sexta-feira desta semana, o Turismo Industrial de S. João da Madeira comemora o seu terceiro aniversário com a realização de visitas gratuitas às diversas entidades que integram os Circuitos Pelo Património Industrial da cidade.

De ano para ano, tem-se verificado um aumento gradual e significativo de públicos do Turismo Industrial de S. João da Madeira, cujo Welcome Center se localiza no emblemático edifício da Torre da Oliva. Só no ano passado, registaram-se perto de 24 mil visitas às entidades parceiras do projecto. E desde o lançamento dos circuitos, em 23 de Janeiro de 2012, esse número já vai em mais de 60 mil.

A Fábrica de Lápis Viarco continua a ser o parceiro do Turismo Industrial que concentra o maior número de visitas (41% do total), seguindo-se o Museu da Chapelaria (23%) e a empresa de calçado Helsar (10%). Quanto à origem geográfica dos visitantes, a maioria é dos distritos de Aveiro (41%) e do Porto (38 %). Como acontece praticamente desde o início do projeto, as receitas sobrepõem-se às despesas, garantindo a sua autossustentabilidade.

Uma das novidades de 2014 foi a criação do pacote turístico “Industria e Arte Lado a Lado”, através do qual se oferece aos visitantes do Turismo Industrial a possibilidade de conhecerem também o Núcleo de Arte da Oliva e, em particular, as suas coleções de arte únicas – “Norlinda e José Lima” e “Treger/Saint Silvestre”.