A assinatura do protocolo que oficializou a campanha A assinatura do protocolo que oficializou a campanha D. R.

S. João da Madeira, 18 de Dezembro de 2013 

Por Alberto Oliveira e Silva

Governo lança campanha para melhorar condições de trabalho no calçado

O secretário de Estado do Emprego, Octávio de Oliveira, presidiu, na passada quinta-feira, no Centro Tecnológico do Calçado de Portugal, em S. João da Madeira, ao lançamento da “Campanha para a melhoria contínua das condições de trabalho na indústria de calçado”.

A partir de agora, o sector deverá posicionar-se no mais alto patamar”, vincou o governante, mencionando, em concreto, as questões da segurança e da saúde em ambiente laboral.

Octávio de Oliveira acentuou que a indústria de calçado tem vindo a elevar-se a uma posição de “crescente conformidade com as melhores práticas” neste domínio.

Tendo vincado que o sector “é um exemplo” na economia nacional, pelo prestígio granjeado e pela importância que detém como sector exportador por excelência, acentuou que deverá ser, igualmente, um exemplo no que diz respeito às condições de trabalho.

O protocolo que oficializa a Campanha foi rubricado na sessão de encerramento da edição deste ano do “ShoeInov”, o Seminário organizado pelo CTCP para dar conta das inovações introduzidas ou perspectivadas na indústria.

Tutelada pela ACT – Autoridade para as Condições de Trabalho, a iniciativa conta com os contributos da APICCAPS, a associação patronal sectorial, do CTCP, da Academia de Design e Calçado (ex-Centro de Formação da Indústria de Calçado) e também de entidades do mundo têxtil.

Os objectivos operacionais da “Campanha para a melhoria contínua das condições de trabalho na indústria de calçado” incluem o combate aos riscos para a segurança e saúde dos trabalhadores, nomeadamente os riscos químicos, mecânicos, ergonómicos – resultantes do trabalho repetitivo, de posturas incorrectas e da movimentação manual de cargas -, e psicossociais, relacionados com interacções sociais negativas.